Inter anuncia a saída de Coudet e pode recorrer a Abel

O Internacional anunciou nesta segunda-feira a saída do técnico Eduardo Coudet. O treinador argentino, contratado no início deste ano, comandou o clube em 46 partidas, das quais ele venceu 24, empatou 13 e perdeu nove, resultando em um aproveitamento de 61,5%.

Apesar do bom trabalho à frente do time gaúcho, os principais motivos que o fizeram deixar a equipe colorada foram as divergências com a diretoria e o interesse do Celta de Vigo, da Espanha, em contratá-lo.

“Infelizmente, o projeto Eduardo Coudet e sua comissão técnica terminou ontem após o jogo contra o Coritiba, sendo a saída do treinador iniciativa única e exclusiva do Eduardo Coudet. Em nenhum momento pensamos ter outro treinador nesta temporada e na temporada que vem”, disse o presidente Marcelo Medeiros.

Coudet entendia que o elenco do Inter era “curto” e que ele precisava de reforços para conseguir brigar pela liderança do Campeonato Brasileiro até o final da temporada. Já os dirigentes entendiam que o clube estava fazendo até mais do que poderia para abastecer o técnico de jogadores.

Agora, o time colorado corre contra o tempo para encontrar um novo treinador, já que na próxima quarta-feira o time enfrenta o América-MG pelas quartas de final da Copa do Brasil e no final do mês há um duelo decisivo com o Boca Juniors, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores.

O nome mais forte no momento para assumir o cargo é de Abel Braga, que já passou pelo clube em cinco oportunidades, sendo a mais recente em 2014 e a mais vitoriosa em 2006, quando venceu a Libertadores e o Mundial.

Mas, de acordo com o mandatário colorado, não houve nenhum contato. “Eu não falei com o Abel. Não falaria com um treinador com questões a serem resolvidas com o treinador que está aqui. Não falaria com nenhum técnico antes de deixar clara a saída de um treinador. Não trabalho desta forma. Reconheço as virtudes do Abel, muito identificado com o Inter, me dou muito bem com ele, mas ainda não falei com ele”, disse Medeiros.

Coudet deixa o Inter na liderança do Brasileirão, com 36 pontos, um a mais que o Atlético-MG, vice-líder, nas quartas de final da Copa do Brasil e nas oitavas da Libertadores.

  Fonte: Terra – Com informações do Lancenet!.

  Foto: Vinícus Costa/BP Filmes

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *