Polícia Civil deflagra Operação Sectários II em Iraí e outros municípios da região

Nesta sexta-feira (16/07), a Polícia Civil e a Brigada Militar, em ação integrada com o apoio da Polícia Rodoviária Federal e do Ministério Público Estadual, desencadeou a Operação Sectários II, que visa a combater os crimes de tráfico ilícito de entorpecentes, corrupção de menores e comércio ilegal de armas de fogo. A ação ocorreu nos municípios de Iraí, Seberi, Erval Seco, Ametista do Sul e Frederico Westphalen. Até o momento, foram nove pessoas presas e dois adolescentes apreendidos. Também foram apreendidos porções de maconha, cocaína e crack, além de armas, munições, balanças de precisão e aparelhos eletrônicos.

Na ocasião, foram cumpridas 39 ordens judiciais, sendo 28 mandados de busca e apreensão, sete prisões preventivas, uma prisão temporária, duas apreensões de adolescentes e uma internação provisória. A ação contou com 75 policiais civis, 70 policiais militares, oito policiais rodoviários, seis delegados de polícia e dois promotores de justiça, além de 60 viaturas. A Operação é um desdobramento das investigações iniciadas em outubro de 2020, quando foi desencadeada na região a Operação Sectários I, bem como resultante de informações coletadas durante a Operação Continuum, deflagrada em junho do mesmo ano.

No curso de quase dez meses de trabalho investigativo, foram apreendidos entorpecentes e coletados elementos de prova indicando que pessoas ligadas a uma organização criminosa exerciam atividades ligadas ao narcotráfico em diversas cidades da região. Em alguns casos, esses criminosos se utilizavam de adolescentes para a prática do tráfico ilícito de entorpecentes, praticavam ameaças a moradores das comunidades próximas aos pontos de tráfico, e coagiam usuários que tinham dívidas com traficantes ligados ao grupo criminoso.

Da análise dos elementos de informação coletados no período pré-operação, foi possível identificar, também, moradores de Seberi que comercializavam armas de fogo e munições de forma ilegal, bem como elucidar homicídio qualificado ocorrido no mês de fevereiro de 2020 na cidade de Taquaruçú do Sul, ocasião em que um homem foi morto por diversos disparos de arma de fogo, sendo o cadáver localizado às margens da ERS472, fato esse também relacionado ao tráfico de drogas e às facções criminosas.

*Polícia Civil do RS

*Com informações da Polícia Civil – Folha do Noroeste

*Fotos: Divulgação

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *